Quantos Litros De água Precisamos Beber Por Dia?

Quantos Litros De água Carecemos Beber Por Dia?


A água é o principal componente químico do nosso organismo. O ser humano consegue sobreviver muito mais tempo sem ingerir alimentos do que sem ingerir água. Precisamos em tão alto grau da água, que em torno de 60 por cento do peso do nosso corpo é composto só por ela. A desidratação, que é o nome que damos à redução do volume de água no corpo, pode causar sérios problemas de saúde, inclusive morte, nos casos mais graves. Por outro lado, o consumo exagerado de água também podes ser nocivo, já que poderá levar a um quadro chamado intoxicação por água, que assim como pode ser fatal em muitas ocorrências.


Em vista disso, voltando à pergunta que apresenta título a este postagem, quantos litros de água devemos consumir por dia? A resposta é: depende. Não existe uma número mágico de litros que seja adequado pra toda a população. Grandes fatores são capazes de fazer com que um indivíduo queira de mais ou menos água que outros. A famosa norma que diz que carecemos ingerir 2 litros de água por dia (ou seis a 8 copos de água) é, na verdade, uma orientação empírica, sem vasto embasamento em evidências científicas. Por essa postagem vamos esclarecer quais são os fatores que uma pessoa precisa considerar na hora de decidir a quantidade de água que ela precisa ingerir durante o dia.


Vamos esclarecer também o que é a intoxicação por água e como ela surge. Conforme dissemos na introdução, a quantidade de água diária que cada pessoa precisa comer é muito individual. Alguns indivíduos devem de muita, outros precisam de pouca. Pra simplificar a sabedoria do tópico, vamos dar início o postagem comentando, de modo resumida e simples, sobre isto como o nosso organismo lida com o volume de água corporal. Se em torno de sessenta por cento do nosso peso é composto de água, isso significa que alguém de setenta quilos têm por volta de quarenta e dois quilos ou quarenta e dois litros de água no corpo humano (um litro de água pesa 1 quilo). Desses quarenta e dois quilos, 2/três (vinte e oito quilos ou 28 litros) estão dentro das células e 1/3 (quatrorze quilos ou quatrorze litros) descobre-se fora das células.


  • Genes associados à obesidade
  • Suaviza e diminui marcas de frase
  • Gastrectomia Vertical (Gastrectomia em Manga, Gastrectomia Longitudinal ou Gastrectomia Sleeve)
  • Não se esqueça o ferro (carne, grãos) para impossibilitar anemia
  • O café da manhã
  • 1 tomate picado / ½ cebola picada
  • 1 colher de sopa de mirtilos

Dos quatrorze litros de água que acham-se fora das células, cerca de 10 litros estão distribuídos entre os tecidos e órgãos (espaço que é denominado como interstício) e somente quatro litros estão de fato dentro dos vasos sanguíneos. Deste modo, de toda água corporal, só cerca de 7 por cento acha-se dentro do sangue. A desidratação é, por resultância, um estado que influencia muito mais as células e os tecidos do que propriamente o volume de sangue corrente. Quando um cidadão perde 3 litros de água corporal, ele perde dois litros nas células, 800 ml nos tecidos e só duzentos ml no sangue.


Então, o paciente começa a sofrer os efeitos da desidratação das células muito antes de falar uma queda considerável da pressão arterial, o que só acontece em casos graves de desidratação. Como o organismo controla a quantidade de água no nosso corpo humano? O órgão que controla a quantidade de água no corpo é o rim, e ele o faz de forma muito precisa.


A Excelente Transformação Da Mulher Que Se tornou Fisiculturista Aos 63 Anos

Pequenas elevações ou reduções da quantidade de água corporal são suficientes para o rins passarem a suprimir mais ou menos água pela urina. Em vista disso, mesmo que consumamos água de modo aquém ou além do vital, os rins vão agir pra conservar o volume de água corporal equilibrado, fazendo com que você urine mais ou menos ao longo do dia. Claramente, a técnica de correção dos rins tem um limite. Para apagar as toxinas e as substâncias filtradas no sangue, o rim tem que diminuir pelo menos uns 400-500 ml de água por dia, caso oposto não conseguiria diluir os compostos químicos.


Se o paciente acha-se muito desidratado, e o rim está tão ávido para reter água no organismo que ele aproximadamente deixa de urinar, o ser entra em insuficiência renal aguda. De modo inversa, em estados de exagero de água corporal, o rim é capaz de ampliar a sua produção de urina em até 500 a 600 ml por hora, o que oferece cerca de 12 litros de urina por dia. O rins só vão conquistar controlar o volume de água corporal após novas horas, o que em alguns casos poderá ser tarde excessivo.



Ao final deste postagem iremos explicar este dificuldade com mais fatos. Quais são os fatores que provocam no volume de água que temos que beber? A quantidade de água que temos que consumir todos os dias precisa ser aquela que é necessária para ajudarmos os rins a manter o volume de água corporal estável. Todavia por que esse valor poderá variar em tal grau de ser pro outro? Garotas têm proporcionalmente mais água no corpo que adultos, que por sua vez têm mais água que idosos. Homens têm mais água que mulheres.


A Pirâmide Alimentar é Um Instrumento

Pessoas obesas, musculosas ou muito altas têm quantidade de água corporal diferentes de pessoal muito magras ou baixinhas. Só por isso, definir um número mágico de consumo de água diário que servisse a toda a população já seria dificultoso. No entanto há outros defeitos mais primordiais, conforme veremos a acompanhar. Volume de urina - cerca de um a 2 litros por dia. Suor e evaporação de água na pele - por volta de 300-500 ml por dia. Perdas de água nas fezes - em torno de 100 a duzentos ml de água por dia. Isso significa que nosso corpo humano perde todos os dias em torno de um,5 a três litros de água por dia, boa parte dela de forma imperceptível, o que é chamado de perdas insensíveis de água.



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *